Existe amor em São Paulo

20130516-142200.jpg

São Paulo é um universo.
Acha-se de tudo aqui. Uma Torre de Babel.
Da nata do melhor a escória do pior, todas as polaridades.
Todos os sentimentos, todas as tribos, todas as raças.
O bem e o mal nos extremos que podem se apresentar.
Escândalo e delicadeza.
Dureza e ingenuidade.
Misturas.

Olho São Paulo como alguém que se olha no espelho.
Sou cruel e compassiva, como a cidade é.

Tenho vergonha de muita coisa que não concordo, mas minha maior vegonha é de gente que discrimina. Gente que senta no pedestal e aponta, critica, julga, discrimina.
Gente que se acha melhor do que as outras
seja porque o outro é
Pobre
Negro
Mulher
Gay
Dificiente
Ou simplesmente porque PENSA diferente.

Me entristece a arrogância.
Me dá vergonha.
Vergonha de gente que não entende que a diversidade é o que faz do mundo um lugar rico.
Rica é a diversidade. E ela dá a chance para todos exercitarem o olhar para o novo.

O novo é uma oportunidade
para crescer, expandir pessoal, social, emocionalmente.
Preconceito é uma merda.
E revela o pior do ser humano.

Tem muita merda no mundo.
Mas insisto em acreditar que (também)
existe Amor Em São Paulo.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s